Gol da França

Nem só de futebol são construídas rivalidades históricas; é também na mesa que elas afloram e se tornam acirradíssimas. Um dos exemplos mais notórios é a rixa entre la cucina italiana e la cuisine francesa.

Sem torcer para nenhum dos lados – até porque acho inútil tentar disfarçar quais são as cores da minha camisa nesse jogo – é justo dizer que ambas carregam consigo tradições milenares e, acima de tudo, se autoconsagram campeãs do mundo.

Obviamente, conheço muito melhor a culinária italiana e, confesso, já fui à França algumas vezes e jamais comi maravilhosamente bem. Mas, há poucos dias, passei pela região da Côte d’Azur, no sul da França e, além de assistir a jogos da Itália e do Brasil em território inimigo, me encantei por um prato que bate um bolão: a pissaladière.

Diretamente de Nice, a torta salgada que bate um bolão
Diretamente de Nice, a torta salgada que bate um bolão

A pissaladière é tradicional da região de Nice, e um meio termo entre uma focaccia e uma torta rústica salgada, recheada de cebolas carameladas e com sardinhas (alici) e azeitonas pretas pequeninas em cima. Na verdade, o nome deriva de “pissalat”, que antigamente servia como uma abreviação para “peixe salgado”.

A massa é a um só tempo macia e consistente; não é fofa, mas mais pesadona, graças ao azeite que é misturado a farinha, água e fermento. O recheio, por sua vez, é composto de cebolas dulcíssimas, cozidas por quase uma hora com um pouco de açúcar e ervas da Provença, particularmente timo e louro. Basta dizer que o contraste com e o salgado dos filezinhos de alici e as azeitonas espalhados por cima funciona divinamente. É um sabor simples e equilibrado; tipo comida da avó.

E, falando nela e voltando ao italianos, vale dizer que, seja por rivalidade, ou por admiração, hoje em dia o prato se tornou também muito comum na Ligúria (uma das regiões da Itália que fazem fronteira com a França) – e já ouvi dizer que ali é melhor…

2 Comments

  1. Cristina Pinotti

    Ótimo!!! Inspiradíssimo!!! E me deu vontade de comer!!! Beijo grande Ah, antes que me esqueça, o post da salada de farro estava ótimo! Só fiquei morrendo de raiva de não conseguir encontrar o dito cujo aqui! Mas como aí na próxima vez! Beijos e parabéns do fundo do coração!!

    Sent from my iPad

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s